Mon. Mar 4th, 2024

A Meta introduziu recentemente novas soluções e recursos para auxiliar as marcas na salvaguarda de seus direitos de propriedade intelectual e evitar a utilização não autorizada.

Isso engloba um conjunto atualizado de medidas de proteção de direitos de marca para detectar e agir contra a violação de conteúdo, juntamente com a introdução de um novo centro para relatar reclamações de propriedade intelectual.

A proteção dos direitos de marca recebe uma atualização visual.

O serviço Brand Rights Protection, que foi atualizado recentemente, oferece recursos aprimorados para que os proprietários de marcas possam monitorar e responder ao mau uso de suas marcas. As melhorias incluem algoritmos de correspondência mais avançados, a capacidade de salvar pesquisas e uma biblioteca de referência expandida. Com essas melhorias, as marcas podem identificar e denunciar rapidamente qualquer infração ou impersonação.

Meta ressaltou que as pesquisas salvas são personalizadas para cada usuário e não são sincronizadas entre todos os usuários com acesso a uma conta de negócios.

Uma nova função importante é a pesquisa transversal, que possibilita realizar pesquisas simultâneas em diferentes partes da plataforma, como anúncios, comércio, contas e posts. Com isso, não é mais necessário digitar os termos de pesquisa diversas vezes, tornando o processo significativamente mais simples.

O Meta – Centro de Reportagem de Propriedade Intelectual é um centro de reportagem que se dedica a explorar informações e notícias relacionadas à propriedade intelectual.

A Meta implementou um Centro de Reportagem de Propriedade Intelectual com o objetivo de aprimorar o procedimento de denúncia de casos de violação dos direitos de propriedade intelectual.

O centro facilita para os proprietários de direitos armazenarem dados de conta e relatarem o histórico, a fim de simplificar o processo de relatórios, acompanhar e administrar casos de maneira mais eficaz.

Leia Mais:   Como auxiliar seus representantes com informações de habilitação e marketing de vendas.

Os utilizadores realizam o acesso utilizando as suas informações de login do Facebook, Instagram ou Business Manager, de forma a garantir uma experiência personalizada e segura.

Segundo Meta, os usuários comuns que estão ligados à mesma conta do Business Manager terão acesso ao histórico de relatórios do negócio, ressaltando assim a capacidade colaborativa da plataforma.

O gerente responsável pelos direitos assegura a preservação da imagem.

A Meta lançou uma atualização do Gestor de Direitos, com recursos adicionais, que visam auxiliar os detentores de direitos a melhorar a gestão e proteção do conteúdo de imagens.

A nova versão traz melhorias como a prevenção automática do uso não autorizado de imagens, a adição de informações de propriedade e chamadas para ação diretamente nas imagens, e a possibilidade de realizar ações em várias imagens ao mesmo tempo.

A Meta afirma que essas melhorias vão permitir que as pessoas que possuem direitos de imagens tenham mais controle sobre o uso de suas imagens em diversos tipos de conteúdo.

Novas funcionalidades visando a segurança empresarial.

O Meta está lançando novos recursos para auxiliar as empresas a garantir a segurança de suas marcas nas plataformas do Meta. Isso envolve atualizações nas ferramentas já existentes e a criação de uma nova seção chamada “Protegendo Empresas” no site Meta for Business.

A nova parte do site fornece orientação para as empresas criarem estratégias de proteção de marca, como evitar uso indevido, acompanhar violações e resolver problemas.

Resumo do conteúdo.

O texto está escrito de maneira adequada, sem erros ortográficos.

Algumas das principais melhorias incluem aprimoramentos na busca e detecção, simplificação dos processos de relatórios, ampliação da proteção dos direitos de imagem e novos recursos online para orientar estratégias de proteção de marca.

Leia Mais:   Siga a estratégia da regra de 78: Execute seu plano de marketing do primeiro trimestre de forma eficiente para obter melhores resultados ao longo do ano inteiro.

Apesar de ainda ser necessário estar atento, as marcas agora têm disponíveis opções mais poderosas para proteger suas marcas, direitos autorais e outros ativos de propriedade intelectual em todas as plataformas do Facebook, Instagram e serviços de publicidade da Meta.

Foto principal: rafapress/Shutterstock em destaque.