Sat. Jun 15th, 2024

Em uma edição recente de Ask Googlebot, John Mueller, o advogado de pesquisa do Google, abordou uma preocupação comum entre os donos de pequenas empresas.

Muitas vezes, as empresas trabalham no lançamento de um novo site ao mesmo tempo em que mantêm o funcionamento do seu site antigo. Müller foi questionado sobre a decisão dos proprietários de excluir o site antigo quando o novo site é lançado.

Aqui está a sugestão que ele oferece.

Transitar de sites antigos para novos.

Mueller ressaltou a importância de eliminar ou atualizar o site desatualizado, uma vez que manter informações conflitantes online pode causar confusão aos usuários e afetar negativamente a otimização para mecanismos de busca.

Detalhes inconsistentes, como horários de funcionamento ou endereços alterados, presentes em ambos os sites, podem causar frustração aos clientes e dificultar a indexação e classificação adequada das páginas pelos motores de busca.

É essencial assegurar que o site antigo não esteja mais visível para o público ou que seja atualizado para corresponder às informações atuais, a fim de garantir a melhor experiência de usuário e desempenho de SEO.

Dicas para uma transição sem problemas.

Müller propõe que a solução seja a aplicação de redirecionamentos do site antigo para o novo.

“Müller afirmou que, na verdade, seria feito o redirecionamento do antigo site para o novo. Essa ação não apenas auxilia os usuários a encontrarem o site correto, mas também auxilia os mecanismos de busca a transferirem quaisquer sinais já existentes para o novo domínio, o que pode potencialmente melhorar sua posição.”

Mueller aconselha a buscar a assistência de um profissional em desenvolvimento web ou um provedor de hospedagem para implementar os redirecionamentos de forma adequada. Ele recomenda manter os redirecionamentos ativos por pelo menos um ano, a fim de assegurar uma transição tranquila para os usuários e os mecanismos de busca.

Leia Mais:   A visualização de dados é uma técnica que agrega valor ao marketing, permitindo a compreensão e análise de informações de maneira visual.

Entender a função dos redirecionamentos.

Os redirecionamentos desempenham um papel fundamental durante a mudança de um domínio de site para outro. Eles oferecem apoio em diversas formas importantes.

Primeiramente, realiza um redirecionamento para assegurar que os usuários que tentem acessar o antigo domínio do site sejam automaticamente direcionados para o novo domínio.

Aconselha-se, em segundo lugar, a redirecionar os links que estão direcionados para o domínio anterior para o novo domínio.

A transferência de equidade de links é essencial para garantir que o novo site mantenha sua posição nos mecanismos de busca. Se mudar de domínio sem redirecionamentos, poderia afetar negativamente a experiência do usuário e o SEO.

Maneiras de aplicar redirecionamentos.

Quando se trata de transferir um site, um dos métodos mais comuns e altamente recomendados de redirecionamento é o redirecionamento permanente 301. Esse tipo de redirecionamento permite a transferência de links e autoridade de classificação das páginas antigas para as novas páginas.

Para estabelecer esses redirecionamentos, é necessário inicialmente definir quais URLs antigas devem direcionar para as novas. Em seguida, é preciso editar o arquivo .htaccess (no caso do Apache) ou os arquivos de configuração do servidor (no caso do NGINX) para criar os redirecionamentos.

Existem diversos sistemas de gerenciamento de conteúdo, como o WordPress, que oferecem plugins capazes de criar redirecionamentos automaticamente durante a migração de um site.

Texto: Um manual completo para a migração de nível empresarial, abordando um grande número de URLs (mais de 100.000).

Quando não é possível fazer redirecionamentos.

Mueller deu algumas sugestões sobre como lidar com sites antigos quando não é possível redirecioná-los para um novo domínio.

Em primeiro lugar, faça a atualização do antigo site incluindo um aviso para informar aos visitantes que o conteúdo foi transferido para um novo domínio. Caso não seja possível realizar essa atualização, é recomendado remover completamente o site antigo.

Leia Mais:   Como desenvolver uma estratégia de comunicação executiva que fortalece a sua empresa.

Ele assegurou que, caso nenhuma das alternativas fosse eficaz, o novo site não sofreria punições dos mecanismos de busca devido ao conteúdo desatualizado no domínio anterior. No entanto, ele advertiu que tanto os sites antigos quanto os novos ainda podem ser encontrados em pesquisas por um tempo, o que pode requerer uma explicação aos usuários que encontrarem o conteúdo antigo.

Depois da mudança.

Após completar a mudança, é recomendado ter um relógio por perto para garantir que tudo aconteça sem problemas.

  • Utilize o programa de análise para verificar se o redirecionamento da função está sendo feito de forma correta e se o tráfego está sendo direcionado para os locais adequados.
  • Siga acompanhando regularmente a posição do seu site nos resultados dos mecanismos de busca para detectar possíveis quedas repentinas, as quais podem ser indícios de problemas durante a transição.
  • Comunique aos usuários sobre a alteração por meio de e-mails, plataformas de mídia social, anúncios no site, entre outros, para que fiquem cientes e não sejam surpreendidos pela transição.

Breve síntese.

Fazer a transição para um site novo é uma alteração significativa para qualquer empresa. É crucial lidar com essa mudança de maneira cuidadosa, a fim de preservar a posição nos resultados de busca e proporcionar aos usuários uma experiência ininterrupta.

As instruções de Mueller e o financiamento adicional mencionado neste artigo devem facilitar a transição de um website antigo para um novo, sem dificuldades.

Imagem principal: Captura de tela do site YouTube.com/GoogleSearchCentral, em janeiro de 2024.